Quanto custa uma Volta ao Mundo?

11.09.2017

Faz quase 2 semanas que compramos a primeira passagem da nossa Volta ao Mundo, mas já fizemos tanta coisa desde então, que parece que já faz 1 mês!

 

Semana passada nós entramos em um mini desespero quando paramos para ver quanta coisa ainda falta resolver, e só temos 2 meses até a viagem (1 mês e 27 dias pra ser mais exata rs) !!! Mas tentamos manter a calma, respiramos fundo e começamos a nos organizar para não surtar de vez.

 

Essa etapa de planejamento pré-viagem é bem trabalhosa, porque, além de ter que organizar tudo relacionado à viagem em si (passagens, hospedagens, vistos, vacinas, passeios turísticos etc), também precisamos resolver como vai ficar a nossa vida aqui no Brasil. Nós moramos de aluguel, então vamos ter que devolver a casa antes da viagem, o que significa que vamos precisar esvaziar tudo! Esse fim de semana já começamos a tirar fotos de alguns móveis que vamos vender, e eu já comecei a separar algumas roupas para doação. A ideia é já ir liberando espaço e sobrar menos coisas para guardar no dia da mudança.

 

Praia de Maresias

 

Às vezes paramos para pensar se não fomos muito precipitados ao comprar as passagens para 7 de Novembro. Mas, por outro lado, também pensamos que não tinha porquê ficar adiando algo que tanto queremos. Pelo menos agora temos um prazo para resolver tudo até a data da viagem, sem desculpas! O Ricardo, do blog Livin’ La Vida… Rick, escreveu um texto em 2014 que tem muito a ver com essa nossa fase: “A diferença entre querer viajar e comprar as passagens“. Ele diz que “com as passagens compradas, a viagem se torna real“, e olha, essa é a mais pura verdade!

 

Agora que temos uma data, e um deadline para resolver tudo, sentimos que a viagem está cada vez mais perto de acontecer. E a pergunta que mais ouvimos – ainda que nem sempre de uma forma verbal e direta -, quando contamos para nossos amigos sobre a viagem é:

 

QUANTO CUSTA UMA VOLTA AO MUNDO?

 

É muito difícil responder isso assim, de forma objetiva, porque a resposta depende de muitos fatores: a duração da viagem, os países a serem visitados, o estilo de hospedagem, a alimentação, o transporte… Você pode viajar gastando muito, pouco ou muito pouco. Existem muitos sites que calculam uma estimativa de quanto se gasta em média em cada lugar (como o Quanto Custa Viajar e o Price of Travel), e também muitos blogs de viagem com relatos de pessoas que já foram para quase todos os lugares que você imagina. No caso da Volta ao Mundo, nós pesquisamos sobre vários outros casais que também fizeram – ou estão fazendo – uma viagem parecida, e calculamos uma média diária de gastos.

 

De tudo que pesquisamos, vimos que é possível fazer uma viagem de Volta ao Mundo gastando de US$20 a US$50 por dia (por pessoa). Nós calculamos uma média e pretendemos gastar de US$30 a US$35 diários cada um durante a nossa viagem. E esse gasto inclui absolutamente tudo: hospedagem, alimentação, passeios, deslocamentos, passagens aéreas, aquele cafézinho depois do almoço… TUDO! No caso das passagens aéreas, por exemplo, nós dividimos o valor da passagem pelo tempo que vamos ficar em cada lugar, e assim temos o valor diário para contabilizar na nossa meta. O que significa que, quanto mais tempo ficarmos em um lugar, mais barata fica a passagem

 

Claro que esse gasto vai mudar de um país para o outro. Nos EUA e Austrália, por exemplo, que fazem parte do início da nossa viagem, sabemos que o custo diário vai ser maior do que isso! Mas, em compensação, quando chegarmos nos países do Sudeste Asiático, esse gasto tende a ficar abaixo da média. Com isso, vamos tentar manter o equilíbrio, e anotar todos os gastos que tivermos em uma planilha que será atualizada diariamente.

 

Organização é a palavra-chave para quem quer fazer uma viagem de longo prazo. Tem que se organizar ANTES, para juntar todo o dinheiro necessário, e DURANTE, para não gastar a mais do que se tem, e não correr o risco de ter que encerrar a viagem antes do planejado.

 

planejamento da viagem de volta ao mundo

Planejar uma viagem de Volta ao Mundo dá trabalho e exige muita organização.

 

Ser flexível é uma coisa que também nos ajuda a controlar o orçamento. Como não compramos uma passagem fechada de Volta ao Mundo (sim, ela existe! Falamos sobre ela aqui), também não compramos todas as passagens de uma vez só… optamos por deixar nosso roteiro em aberto, e vamos acertando nossos destinos ao longo da viagem. Isso nos permite, por exemplo, sair mais cedo de um lugar caro, ou ficar mais tempo em um lugar mais barato. Por isso falamos aqui que o nosso roteiro ainda deve sofrer muitas alterações ao longo da viagem. Tudo é possível!

 

Além disso, depois de tantas pesquisas que já fizemos, descobrimos várias formas de economizar na compra das passagens aéreas e nas hospedagens. Mas vamos falar sobre isso em outro post!

 

Nós vamos atualizar o blog ao longo da viagem também com as nossas experiências e gastos que tivermos em cada país. Então, fique ligado! Acompanhe a nossa página no Face e siga a gente no Instagram, que sempre vamos avisar quando tiver post novo por aqui.

 

E, se você também quer fazer uma viagem, mas acha que não tem dinheiro para isso, dá uma lida no texto do Ricardo, inspire-se e… compre as passagens!

VEJA TAMBÉM

6 COMMENTS

  • Ligia disse:

    Muito legal! Desejo boa sorte e que seja uma experiência inesquecível!

  • Tamiris disse:

    Adorei texto, e estou me animando a fazer um planejamento para uma viagem pelo mundo !
    Boa sorte e estarei aqui sempre lendo as experiências de vocês.
    Um beijão!

    • profundo disse:

      Boa, Tami!! Anima sim!! Se precisar de alguma dica, manda mensagem pra gente, ainda estamos aprendendo e descobrindo as coisas no caminho, mas trocar experiências é sempre bom!! Que legal ver você por aqui, ficamos felizes! 🙂 Super beijo!

  • Ricardo disse:

    Hey! Obrigado por linkar meu texto! Espero que voces aproveitem MUITO essa viagem de volta ao mundo. Can’t wait to read the next stories! =)

    • profundo disse:

      Oi Ricardo! Qdo a gente encontra textos que nos inspiram e traduzem exatamente o que pensamos, não tem como não compartilhar! 😉 Muito legal o seu pensamento sobre viajar… esperamos q vc continue viajando muito tb!! E obrigado pela passagem aqui no Profundo! Volte sempre! 🙂

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

© Copyright 2017 by Profundo no Mundo